Não-poético

O mundo adormecia vagarosamente
naquele longínquo entardecer,
ele procurava e não via,
ela contemplava o esmalte das unhas..

Nenhum comentário: