Intenso

Minhas entregas descomunais
me arremetem sempre para o tudo e o nada,
em proporções exacerbadas

Não meço esforços para dar tudo e mais um pouco
porque o tudo nem sempre é o suficiente,
mas preciso ser correspondida na mesma intensidade
para continuar em frente,

Não peço nada,
Mas não aceito meios termos
quando me dão algo de si,
se ficamos pelo meio
me debato feito bicho,
depois sem nada dizer parto
para o intenso senso do nada sentir ...

Nenhum comentário: