É tarde, É tarde, É muito tarde



.. o coelho de Alice atravessa o quarto apressado... (a vida é tão rara)... pula na cama, pergunta sem fôlego: como faço para chegar à Escandinávia... e eu penso em fim do mundo, em perdição. É fácil... siga essa rua, depois vire à esquerda. A Escandinávia fica na esquina, perto de uma livraria pequena, quase-de-brinquedo. Ele não escuta, não vê, não percebe. Fixa o relógio que carrega nas mãos e dispara: é tarde, é tarde. (Lewis Carrol - Alice no Pais das Maravilhas)

Nenhum comentário: