Se eu fosse você...


O caminho que existia entre nós
era feito de atalhos
não compreendias a linguagem que eu falava
e nem eu a tua realidade silenciada
Um enganoso alguém
longe e fora das horas
nem alegre
nem triste
sem desejar mais palavras ou sonhos
sem mais nada
não te lamento
não quero ver tua sombra escondida
tão triste e perfeito
num movimento que murmura,
a eternidade feita de horas, perdura
Quero-te entre pernas
Sou teu outro
És meu eu
Somos fogo dentro do corpo
Em teu corpo navegar,
Perder-me para te encontrar
Para te descobrir é tarde
Para te perder é cedo...

Foto: Mariah
Ouvindo: Eu Vou Estar (Acustico)

Nenhum comentário: