Versos


Versos andróginos, vastidões...
Minha substância,
meu crescer sem termo
são braços paralelos
de forma exígua,
Não penso nas distâncias da vida,
luz fugidia,
sem rastros,
solidificada de silêncios
do tamanho do tempo...

Foto: Googles
Ouvindo:
Vambora

Nenhum comentário: